Postagens

Mostrando postagens de Março, 2007

Quaresma - isso não te pertence, umbandista!

Com a aproximação da semana denominada de santa e o distanciamento do período monino, estamos completando o que os católicos chamam de Quaresma.A palavra Quaresma vem do Latim quadragésima e é utilizada para designar o período de quarenta dias que antecedem a Ressurreição de Jesus Cristo, comemorada no famoso Domingo de Páscoa. Esta prática segundos alguns, se consolidou no final do século III, tendo sido citado no 1° Concílio de Nicéia, no ano 325. Na Quaresma, que começa na quarta-feira de cinzas e termina na quarta-feira da Semana Santa, os católicos realizam a preparação para a Páscoa.Essencialmente, o período é um retiro espiritual voltado à reflexão, onde os cristãos se recolhem em oração e penitência para preparar o espírito para a acolhida do Cristo Vivo, ressuscitado no Domingo de Páscoa.Na Bíblia, o número quatro simboliza o universo material. Os zeros que o seguem significam o tempo de nossa vida na terra, suas provações e dificuldades. Portanto, a duração da Quaresma está…

Dostoiévski está certo!

"Eu sou um homem ridículo. Agora eles me chamam de louco. Isso seria uma promoção, se eu não continuasse sendo para eles tão ridículo quanto antes.
Mas agora já nem me zango, agora todos eles são queridos para mim, e até quando riem de mim- aí é que são ainda mais queridos. Eu também riria junto- não de mim mesmo, mas por amá-los, se ao olhar para eles não ficasse tão triste.
Triste porque eles não conhecem a verdade, e eu conheço a verdade. Ah, como é duro conhecer sozinho a verdade! Mas isso eles não vão entender. Não, não vão entender."
Fonte: Do livro "Duas Narrativas Fantásticas, de Fiódor Dostoiévski, tradução direto do original de Vadim Nikitin, Editora 34.
Excerto de post do Blog do TAS publicado em:
http://marcelotas.blog.uol.com.br/arch2007-03-16_2007-03-31.html