Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

Mística dos Eleitos

Aos poucos foram caindo como peças de dominó. As intrigas palacianas, os desafetos, a inveja de muitos, as armadilhas dos outros derrubaram um a um.
Acreditavam que ainda serviam. Acreditavam que ainda tinham voz. Acreditavam que ainda eram um grupo. Acreditavam, acreditavam e acreditavam. Era o que faziam com muita propriedade.
Pensavam que as turbulências eram passageiras, que as não-conformidades eram temporárias, que tudo em algum instante voltaria ao seu eixo original.
Diziam, para si mesmos, que na construção de um ideal sacrifícios eram necessários. Em nome de uma causa maior as baixas que ocorrem são aceitáveis. Para tudo que acontecia existia uma explicação razoável, lógica e fundamentada.
Participaram de tudo. Colaboraram com muita coisa. Partilharam entre si muitos segredos. Acumularam no decorrer do tempo muitas histórias. Foram testemunhas oculares de muitos fatos e protagonistas ou coadjuvantes de outros tantos.
Seus olhos se fechavam para não enxergar os erros. Seus ouvidos s…

Palavras Cruzadas Finais

Assim como concedi destaque ao comentário que originou o artigo Palavras Cruzadas, abro mais uma vez o mesmo espaço para a resposta do comentarista em questão.
"Prezado Caio!

Agradecemos o Reconhecimento, mas não é questão de coragem, mas de encarar a Realidade.

Você diz estar na Umbanda há mais de 30 anos. É incrível como tanta gente persiste nos equívocos, apesar de tanto tempo e tantas experiências.
Disse tanta gente, porque você não está só nesta caminhada..., pois tem uma Multidão, ainda presa aos Resquícios Religiosos, Herança Maldita do Catolicismo Inquisidor e da infeliz Interpretação dos Ritos Candomblecistas, que fazem uma Mistureda de Valores e Conceitos, sem o menor fundamento. Tem momentos que não se sabe o que definir, se é Ritual de Candomblé ou de Culto Católico.
Defendemos, Meu Caro Caio, a Liberdade, dentro de uma Realidade Espiritual, que o Espiritismo legou ao Mundo, em seus 150 anos de existencia, onde parafraseamos Kardec, que resume todos os conhecimentos em Evo…